Loading...

quinta-feira, 29 de dezembro de 2016

Essas coisas...

tem que mergulhar no papel. morder um pedaço da bolha de sabão. cortar o filé de asa de borboleta com as unhas. essas coisas...

Amiiigaaaaaa!

Como chamavam aquela sua amiga que traía todos os namorados?
Chamavam de "amor", até descobrirem. Depois, " aquela traidora" se tornava seu segundo nome, por convenção.
Seu nome não podia ser mencionado entre uma boa dúzia de "ex-cornos" e chamava a toda a concorrência de "Amiiiigaaaaa!" , que acabou se tornando seu primeiro nome. "A Amiga, aquela traidora?", era assim que a chamavam , por fim...

terça-feira, 27 de dezembro de 2016

maleducado

sou como qualquer ser humano em seu orgulho incompleto, mal educado e não tolero falta de educação...

Um fio.

O diâmetro de um fio cortado com a medida da espessura da parede de uma bolha de sabão.

segunda-feira, 26 de dezembro de 2016

Monte-o

Não importa o quão assustadora seja sua compulsão, você terá que enfrentá-la.
O quebra-cabeças premonitório é infalível, irresistível.
 Monte-o.
Você se voluntariou para isso, desde o início.
Em sonhos e desejos proibidos.
 Veja a imagem final em sua mente.
 Se espante com ela.
Mas continue montando-o.
 Rumo ao descortinar da perfeição, na paciência e na persistência.
E ao fim, encare sua morte perfeita. Regozije-se de ter conseguido.
Se possível , sinta essa alegria misturada ao horror da imagem que vai mostrando, a cada peça, em seus detalhes minuciosos e fatais.
Segure a última peça com emoção ímpar.
 Até escolha qual será, antes , se quiser.
 Mas lembre-se.
É um quebra-cabeças premonitório e fatal.
No início, você imagina que não será tão ruim assim.
Ao ver a imagem final, em sua mente, você estremece.
 Ao completar, se alegra por ter feito a tempo.
Mesmo ante ao seu pior pesadelo.
 Feliz por conseguir acordar.
E depois , ao fim.
Você morre.
Monte-o.
Rápido!

ARREBOL!

NÃO HÁ FELICIDADE NAQUILO QUE SE ESPERA , NEM NO ESPERAR, MAS APENAS NO PRESENTE.
QUAL A IMPERFEIÇÃO QUE COMPLETA A IMAGEM PERFEITA COMO FUNDO E CONTRASTE. DANDO ÊNFASE AO MOVIMENTO DA ATENÇÃO DAQUELES QUE OBSERVAM A PAISAGEM, COM LUZ, TRAÇOS, ESMAECIMENTOS E DIREÇÕES NATURALMENTE FORJADAS ÀS MINÚCIAS DO VENTO.
QUAL A TERRA QUE DESAPARECE ANTE AS CORES DO PÔR E DO NASCER DO SOL, ANTE AO CALEIDOSCÓPIO FLUIDO DO ARREBOL PSICODÉLICO, QUASE ESTÁTICO. LENTO E IMPLACÁVEL.
O ARREBOL ANTI-AURORA BOREAL DIÁRIO E COMUM DAS TARDES DE POUCAS NUVENS, MAS COM COLORIDO, SEMPRE ÚNICO, EM QUALQUER LUGAR DO MUNDO. VIOLÁCEO. PURPÚREO. ALARANJADO. DOURADO, E BRANCO. E CINZA. E NEGRO. LANCINANTE AOS SENTIDOS. ARREBATADOR AO OLHAR.
E TUDO AQUILO NÃO EXISTE COMPARADO AO UNIVERSO. É UMA CAMADA FINA, COMO UMA UNHA, SE COMPARADA AO PRÓPRIO PLANETA, OU A UM ASTRO MAIOR. FEITA DE GASES E IMPACTOS INVISÍVEIS ENTRE MICROPARTÍCULAS DE MUITAS COISAS E LUZ. REFRAÇÃO CAÓTICA, MAS COM CÁLCULO PRECISO. NUNCA IGUAL. NUNCA DIFERENTE. PERFEIÇÃO DIÁRIA. COMO NOSSOS SONHOS. DESVANECENTES E ESSENCIAIS PERFEIÇÕES QUE SE COMPLETAM NA MERDA! A PROVA DE QUE VOCÊ COMEU, E MUITO. A PERFEIÇÃO DO PRESENTE! ARREBOL! ARREBOL! RARIBOL DO ARREBOL INTERGALÁCTICO!
VIVAAAAAA!!!
AHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA!

sexta-feira, 23 de dezembro de 2016

A realidade nos inquerindo

Humanos. Quanto mais nos cremos, mais nos decepcionamos. 
Mas se não nos cremos tanto, é até engraçadinho,
Ver a realidade nos inquerindo a humanidade uns aos outros.