Loading...

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

Unanimidade.

Foi dizendo que toda unanimidade é burra que Nelson Rodrigues se tornou uma.

domingo, 26 de fevereiro de 2012

Os professores deveriam ser os profissionais com melhores condições de trabalho e salários melhores de toda sociedade e tbm os mais abundantes. todas as pessoas deveriam passar pelas mãos deles, respeitando-se a cultura local, é claro. Só assim poderíamos trocar essa sociedade de pirâmide, de base de maioria analfabeta funcional, e pico de conhecimento aplicado em ganância e vaidade. por uma sociedade coluna, que desde a base alcança o teto com a mesma firmeza de baixo acima, e na base e no alto desta coluna todo seriam mestres e todos que adentrassem esta sociedade também sempre alunos, pois os que estivessem no alto da coluna do conhecimento estariam sempre preocupados em descobrir e aplicar modos de como ampliar e reforçar a base da coluna para que o teto seja sempre mais alto, pois a altura do teto é determinada pela altura da coluna, e a possível altura da coluna pela firmeza e amplitute da base. viajei.

sábado, 25 de fevereiro de 2012

Esctória

Enquanto permanescem espalhadas por aí, certas intituições são escória e lixo, apenas esperando o descarte oportuno na lixeira da história. Recicle.

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2012

Charada

Quando cheguei e apareci, a ninguém vi , mas não podia ser o primeiro nem o último, pois a cada passo encontrava um igual a mim... Era como sou, pequeno e sozinho, mas conforme ia caminhando, já me tornava, sem crescer nada, maior e maior. E a cada curva que fazia muitos irmãos se uniam. Até que cansado para ficar em pé, encontrei meu irmão maior. Sim meu irmão maior veio muito depois de mim, e a cada curva que fazia com meu irmão, mais irmãos eu tinha. Mas ainda éramos todos como somos, sozinhos e pequenos demais para se fazer de nós qualquer coisa. Finalmente encontramos uma senhora, e ao alcançá-la ela passou a ser o contrário do que era, se tornando nossa razão de continuar. E assim, com cada ex senhora continuarei caminhando, e tbm meus irmão maiores, caminhando sempre enquanto conseguimos estar de pé, pois o cansaço atingido nos torna maiores e o descanso é sempre o início de um novo turno. E é de muitas caminhadas que se faz a vida.

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2012

Histórinha.

O meu olhar é marrom meio claro , preto e vermelho , num tom meio raro.
 O meu cabelo é marrom meio negro , mais negro que eu é o meu velho pai.
 A minha mãe é branca como a luz. Eu amo a branca luz . A branca luz me atrai.
 Mas eu sou quase negro. Quase quase um pretinho.
 E eu sou quase branco.
 Preto-branco-e-vermelho em mim.
(Mas com o dedo amarelim)

Janken-pon

Papel come pedra, tesoura come papel e pedra come tesoura. É uma suruba. Como nunca percebi???

segunda-feira, 13 de fevereiro de 2012

O outro lado.

 Que lindo dedo, acusador!!! pode apontá-lo pra si, pra eu ver o outro lado???

quinta-feira, 9 de fevereiro de 2012

O que eu coloco

-É menos de 40% do que eu leio. A maior parte não dá...
-Qual é Astrô? Então tem uma galera contigo postando junto e lendo ao mesmo tempo...
-AHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA!!!
-Caraca véio você difgita que nem uma velha! Como consegue postar aquilo tudo apenas com três dedos???
AHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA!!!
-Costume. No máximo eu uso  o mindinho junto...

Ocupação.

Me mantenho ocupado , pra não ficar preocupado com os desocupados.

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012

Dor

Logo na minha primeira infãncia eu tive uma inflamação das glândulas do pescoço e tive que tomar 24 injeções. Mas eram pra adulto . então durante três semanas e três dias eu tomava essas injeções, só que dividas em duas , por causa da dosagem. Eu tomava uma de manhã e uma de tarde. Isso sem entender pra que era. definivamente eu sei há muito tempo o que é dor.

Astronauta

Por que tentar melhorar o futuro? Porque estou indo pra lá neste exato momento.

Loucosão

Saber-me louco é o que mer torna são.
 (Se quiser, ponha uma vírgula em algum lugar na frase.)

Sobre a administração dos patrimõnios públicos.

O que faz o desenho, em duas dimensões, não poderá ser responsabilizado pelo que executa mal a obra, em três dimensões . Nem o que constrói, pela má administração que se executa nos mandatos temporais, estes em quatro dimensões. Pois o tempo corrói e o dinheiro corrompe, quando não há boa administração e manutenção também. Naquilo e naqueles para quem não importam as marcas que deixarão  para e em outros tempos.

Cara ou corôa.

Fico meio corôa quando fico de cara.

domingo, 5 de fevereiro de 2012

Onde quer chegar?

 O amor é um norte magnético.
 Você não tem que ir sempre para o norte magnético. mas é bom saber onde é esse norte . Pra poder ir, até pro lado contrário, se quiser, e também para saber voltar...
 E a paixão, é uma agulha imantada, que aponta apenas em uma direção, que é o amor.
 O coração é uma bússola, cuja agulha imantada aponta sempre pro norte magnético. Mas você pode mover a bússola(e o seu norte imaginário, ou azimute) para a direção que quiser. Tendo assim, sempre duas direções: Um fixo em 0°; e o azimute flexível em 360°. Um da natureza e um só seu. Só não fique dando voltas no mesmo lugar e nem voltas sempre até o mesmo lugar, se quiser conhecer mais do que uma direção. Conhecer a primeira direção é só o começo. Descobrir sua própria direção é o começo do recomeço.
 E lembre-se também de olhar pra cima e pra baixo.
 Quem sabe, descubra assim, direções que estão além dos planos.
 E até além da imaginação.

Para Nathália Fernandes.

Mestre dos mestres

Meu mestre me chama de mestre. Também o chamo assim. É meu mestre quando o ouço e sou seu mestre quando falo. Muito grato, Mestre. (De nada, Mestre). No mundofeliz é assim pra todos...

O mundo

O mundo é governado pelos mendigos.

Alvo

Frente a um alvo único, é melhor o que acerta por sorte, sendo amador , que o que erra por distração , sendo profissional.

Onde procurar algo perdido

No último lugar em que deixou é um bom começo. Porém só irá encontrar mesmo, no último lugar em que procurar, mesmo que seja o primeiro...

sábado, 4 de fevereiro de 2012

Opiniões e bundas.

‎"eu mostro minha , não dou . se apenas mostro continua sendo minha..."

sexta-feira, 3 de fevereiro de 2012

?+?= ???

eu+eu= insolúvel.
 vou tentar de novo
 eu+ela =nós.
acho que só assim mesmo...

Dos seus problemas, o maior.

O problema , não é que eu como quem expressa claramente quem quer viver. O problema não é que eu fortaleço religiões que exploram a fé. o problema não é que eu não compartilho o o pouco ou muito que tenho com os outros humanos, o problema não é que os deuses que eu adoro não amam nem a terra onde foram nomeados, o problema não é o meu preconceito nem eu achar que só minha droga presta. o problema não é eu não agir e acreditar na paz. o problema não é que eu preso mais o dinheiro que a descoberta e liberação de curas, a solução da fome mundial, da desigualdade de gêneros, cor , social e etc. o problema não é fazer trafico de influência por causas egocêntricas e idiotas. o problema não é desprezar a ciência por tradições religiosas . o problema não é meu egocentrismo, minha ingratidão ao planeta, minha falta de ágape. meu etnocentrismo e especismo.
O PROBLEMA É QUE O PUTO DO ASTRONAUTA É VEGANO E ATEU. ISSO SIM É UM PROBLEMA SÉRIO.

Costuras

Meu avô de pai era alfaiate. Minha avó de mãe era costureira. Agulhas e linhas no sangue...

Olhei para minha mão.








Sobre a medula,o sangue.
Sobre o sangue, os ossos
Sobre os ossos, os tendões.
Sobre os tendões , a carne.
Sobre a carne, a gordura.
sobre a gordura , a pele.
Sobre a pele, o pêlo.

O resto, antes e depois, é abstrato.

quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

E só

Meu amor. É só mais um impossível. Já passamos por isso antes.

quarta-feira, 1 de fevereiro de 2012

Zé do Fino.

 Dedo amarelo, olho vermelho , tudo azul na cabeça.
 Um palito de fósforo e a lixa da caixinha.
 Uma bala de hortelã na boca.
Tocar sax sentado na janela do oitavo andar. Ou na padaria , por uma pinga.
  Dividir o pouco.
 E AHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA!!!





(dedicado a riodades 1993/2001)

O Oráculo da Poesia.

 Pegue um livro perto de você . Um livro de poesia. Pode ser de um poeta que você gosta . Mas cuidado , pode fazer você mudar de idéia quanto a ele e quanto a você mesmo.
 Abra em uma página aleatória. Leia e entenda, mas não conte pra ninguém o que entendeu. Pode contar a poesia, não tem problema.
 E lembre-se sempre que foi você que abriu o livro.


Para Nina.