Loading...

quarta-feira, 25 de abril de 2012

A luz

 Foi nos idos de 1995 que eu estava em minha casa, no condomínio Eldorado na Rua Riodades 145 bloco 1 apartamento 803. Ficava bem do lado da piscina e de costas para a frente do edifício.
Naqueles dias eu dormia mal. Estava passando por crises de pânico, que causaram uma crise de abstinência(já que eu não saía para me drogar), que causaram uma crise existencial, que me causariam em pouco tempo uma crise de sanidade.
 Eu estava dormindo quando abri os olhos e vi que sobre mim estava uma luz que cobria todo o meu corpo e se extendia além do meu campo de visão. Era uma luz flutuante que se movia como água, mas brilhava como fogo com uma cor de ouro verde que eu nuca vi igual. Sustentava-se no ar a luz líquida, sobre minha face e meu corpo a menos de um antebraço de distância. Parecia que me sondava, que me observava, que me amava e por isso estava ali tão perto. Não resisti e estendi o braço para tocá-la, mas então acordei.
 O meu quarto estava escuro e só. Meu braço estava levantado e eu me lembrava de abrir os olhos pela segunda vez. Uma sensação de inexplicabilidade era a única passageira do meu peito naquela hora. E aparentemente tudo fora um sonho. Mas eu nuca me lembrei antes de ter aberto os olhos num sonho, nem mesmo de ter piscado os olhos , nem mesmo de que tinha olhos.
 Como estava nítido,desde o segundo despertar, que me lembrava disso por duas vezes, ficou em minha mente essa pergunta para sempre.
 Você já se lembrou de haver piscado os olhos enquanto sonhava? Ou mesmo de que tinha olhos enquanto via tudo que viu?
Você já viu a Luz?
( É da cor da Aurora Boreal)

Nenhum comentário:

Postar um comentário